O saber é produzido para ser vendido


Segundo Lyotard, na pós modernidade,o antigo princípio de que a aquisicao do saber é indissoluvel da formação da pessoa caiu em desuso. O saber é produzido para ser vendido, consumido numa nova produção,  ele é para ser trocado: o saber deixa de ser para si mesmo

Conforme Gui Debord: Tudo o que era vivido diretamente tornou-se mera representação.O espetáculo é o movimento do nao-vivo. O mentiroso mente para si mesmo. E assim, o espetáculo é instrumento de unificação.

No livro O Príncipe Eletrônico (Ianni)  está exposto: Tudo se espetaculariza, tudo se estetitiza. O artefato é eletronico. O arquiteto é eletrônico.

Para Lipovestky, somos mais do que pós-modernos. Somos hipermodernos. Estamos no nível mais avançado  da modernidade, porque a impressão de felicidade  é evidente devido aos avanços tecnológicos, na logenvidade e na liberdade, só que na carona do rabo do cometa, a depressão, a ansiedade e a desorientação desenvolvem-se como pó em estrada de chão. Se sabemos tanto compartilhando a inteligência colaborativa, zapeando pela National Geogrhapic e vendo histórias do início do mundo e da evolução dos povos, porque não estamos mais sábios?

E depois do hipermoderno o que que vem? Estaremos na extratosfera da humanidade ou regressaremos ao mundo dos valores artesanais?  Não se sabem onde vamos, porque se soubéssemos já teríamos ido. Ou então, retornado, evocando um sentimento último de regresso saudável. A terra gira e com ela, a humanidade, eclipsada por essa impressão de extrema felicidade. Uma vez se dizia que a grama do vizinho era sempre mais verde, hoje se pode dizer, o Facebook do vizinho é sempre mais auspicioso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s